sábado, 30 de junho de 2012

CAIU O PRIMEIRO DOMINÓ



O Paraguay desde a semana passada é o primeiro país da América Latina a se livrar do projeto e da prática totalitária socialista. A América Latina nos últimos vinte e cinco anos vem fazendo uma Revolução socialista (sem sangue, à moda de Gramsci) para instalar uma DITADURA COMUNISTA. Em boa hora resolveu este ilustre país se livrar do tirano comunista Fernando Lugo. Para quem só se deixa informar pela mídia majoritariamente socialista, a qual aplaude entusiasmada qualquer ditador cucaracho socialista, ou silencia diante das barbaridades por eles cometidas, o fato até surpreendeu. Mas para quem observa o desdobramento e a evolução dos países latino-americanos dentro da esfera comunista no sentido da implantação de ditaduras modelo cubano, o fato é claro e insofismável: o Paraguay fugiu da prisão comunista na primeira oportunidade que teve.

A imprensa latino-americana, quase a maioria, aposta na implantação dessas ditaduras. É claro que são ditaduras bem disfarçadas de democracia, com todo mundo votando (em socialistas), com imprensa livre, instituições (socialistas) sólidas... Chega de mentiras! A imprensa no Brasil, por exemplo, não é independente. Na sua maioria come na mão do governo, apóia e encobre as falcatruas petistas e de seus aliados. Essa mídia, que chama o PSDB de partido de direita (ah ah ah!), também chama Lula, Dilma e Hugo Chàvez de democratas honestos que querem mais democracia, embora na realidade eles produzam uma democracia de uma  só ideologia, a ideologia socialista com imprensa calada, amarrada, ameaçada a todo instante, com projetos totalitários culturais e imorais em pleno curso.




FORO DE SÃO PAULO




Na Argentina da Loca de Buenos Aires, como lá é conhecida a Cristina Kirchner, o processo totalitário já vai avançado. Nem preciso citar a ditadura de Hugo Chàvez, a do cocalero Evo Morales, e do maconhista Mujica do Uruguay. Mas o que interessa é frisar a reação da mídia amiga diante dessas ditaduras comunistas. É bom ver a indignação de que estão tomados. É necessário, entretanto, ensinar que organizações internacionais como a OEA (Organização dos Estados Americanos) há muito tempo estão nas mãos dos camaradas cubanos e venezuelanos. A OEA é uma farsa completa, assim como é a UNASUL, uma fachada que encobre as atividades do Foro de São Paulo, uma entidade comunista fundada pelos democratas Fidel Castro e Lula, o Apedeuta corrupto. Pois essa confraria de revolucionários leninistas agora se dá o direito de expulsar o Paraguay do seu meio. E a mídia uiva de indignação com a fuga do Paraguay.




A LOCA DE BUENOS AIRES



Mas o Paraguay está se lixando porque se libertou da tirania comunista do Foro de São Paulo. Entende-se o inconformismo dos cumpanheiros com a perda, com a brecha, com o primeiro dominó que caiu. O braço da desinformação manda publicar em todos os seus veículos o desagrado, o inconformismo e a vingança de expulsar o Paraguay do MERDASUL e no seu lugar colocar o Hugo Chàvez. "Ele não é mais digno de pertencer às ditaduras latino-americanas". É de rir.

Eu estou rindo porque, confesso, não esperava por isso: o Paraguay se transformar no primeiro dominó a romper o que parecia perfeito, para o desespero comunista. Os comunas sofrem agora a mesma frustração de que era tomado o governo comunista da Alemanha Oriental cada vez que alguém pulava o muro e se mandava para a liberdade.

O triste é ver o Brasil se ajoelhar diante da Loca de Buenos Aires. O Brasil perdeu totalmente a dignidade. Mas o nosso povo não. Ele ainda resiste à implantação de novas regras morais, isto é, moral nenhuma, que o governo da ex-terrorista pretende. Resistiria mais se não fosse enganado diariamente por jornalistas inescrupulosos do Jornal Nacional, da Zero Hora, do Globo, da Folha de São Paulo, etc, quase todos jornalões pró-socialismo, pró-ditaduras comunistas.

Essa mídia deve estar feliz com a entrada da Venezuela no MERDASUL, outra vergonhosa instituição de camaradas. Eu queria reafirmar que não é difícil desmascarar essa mídia comunista. É só gritar com eles! É só jogar-lhes na cara para o quê e para quem eles trabalham dia e noite! O povo não deve temer a imprensa oficial, chapa-branca, assim como não deve temer seus governos. SÃO OS GOVERNOS QUE DEVEM TEMER SEU POVO!

No Paraguay não há a menor infelicidade popular com a defenestração CONSTITUCIONAL do Fernando Lugo. É aqui e nas outras Repúblicas de Bananas Socialistas que há insatisfação, dor de cotovelo, dor de perder um pequeno dominó. Isto é insuportável para comunistas.  A mídia comuna tem razão em se preocupar: o Paraguay fugiu do maior campo de concentração latino-americano, como alguém que consegue fugir dos campos de concentração das FARC, criação dos mesmos comunistas cucarachos. Se a coisa se espalhar como os comunistas elegerão quase que automaticamente seus presidentes sem o dinheirão da cocaína? Esses cucarachos  e seus cupinchas  midiáticos imaginavam que nada lhes aconteceria, que o povão latino-americano estava silenciado, anestesiado, e aí vem o Paraguay e lhes faz essa desfeita!

Viva o Paraguay Livre!


sexta-feira, 29 de junho de 2012

COISAS MUNDANAS E SUJAS. POR ISSO ME TAPO DE NOJO!







Já fiquei tempo demais calado. Deixei tempo demais passando. Já me desmobilizei. Já desisti. Já fui. Mas as coisas mundanas, a mundanidade e a sujeira brasileiras me chamam de volta. Refiro-me ao país chinelão, o Brasil dos ladrões com mandato, com toga, com microfone, com TV.



Começando pela mídia – de já não sei quantos adjetivos mais que colorem sua indignidade –, a questão do Paraguay é uma das mundanidades mais mal resolvidas. O Brasil, servo do Foro de São Paulo, que a mídia chinelona chama de UNASUL, intromete-se em assuntos privados de país-membro. Usa o MERCOSUL como instrumento para meter o nariz. Pois esse Foro de São Paulo, construído em 1991 para reerguer o comunismo na América Latina, segundo suas atas e estatutos, não está contente com o Paraguay, seu povo, e sua Constituição. Nem poderia estar; afinal, o Foro de São Paulo foi quem elegeu sucessivos presidentes cucarachos. Como poucos brasileiros sabem, Comunistas odeiam constituições. Quando Evo Morales, o índio cocalero da Bolívia, assaltou a Petrobrás em 250 milhões de dólares, o Foro de São Paulo silenciou; nossos senadores do Pig Sty (chiqueiro, como o Financial Times o chama) nada fizeram. Quando a Louca de Buenos Aires confiscou o papel de imprensa, o Foro de São Paulo não fez nenhuma reunião indignada para defender a imprensa livre. Comunistas não gostam de imprensa livre, exceto aquela que pode ser comprada.



Mas há outras mundanidades no ar. O TSE legitimou e legalizou a posição dos ficha-sujas. A Lei da Ficha Suja foi fulminada pelo sujo TSE, que na sua composição tem Ministros do Supremo. Não contem com a Justiça maiúscula para atos de dignidade. Não esperem nada deles exceto mundanidades sujas.





 Na mídia gaúcha corporativa o assassino Cesare Batisti posa de gaúcho na Zero Hora, dando um tapa na cara do nosso povo amante da Lei e esposo da Justiça. A vergonha, que era somente do Tarso Genro, agora se estendeu à RBS que patrocinou a propaganda do assassino.

Enquanto isso, Lula e Maluf apertam as mãos. O Apedeuta corrupto, chefe de quadrilhas, inclusive a dos Aloprados, conseguiu sujar a reputação do Maluf. Lula é um desclassificado moral que faz e desfaz qualquer coisa com a maior cara de pau. Se não fosse a mídia amestrada, nada teria conseguido, e estaríamos livres dessa vergonha nacional.


E as eleições, então? O que delas esperar? Mais mundanidade, mais sujeira. A Justiça de verdade não opera neste campo porque o sagrado mantra da democracia socialista continua prevalecendo, apagando impressões digitais de seus próprios corruptos e dos corruptos de todos os partidos, e induzindo o povo trouxa a votar neles em massa. Todo voto no Brasil de Lula é um voto no socialismo de Lula.


O Brasil está quebrado; suas finanças e seus banqueiros favorecidos arruinaram e endividaram a classe média brasileira. Ontem mesmo uma das Ministras hediondas da ex-terrorista Dilma Roussef afirmou que estamos em grave crise econômica. Lembram da marolinha do Apedeuta? Agora ela é um tsunami de verdade prestes a nos levar de roldão.

Por outro lado, a quebra moral: o governo da ex-terrorista volta a ameaçar a população cristã brasileira com o fantasma do aborto e da homofobia. E continua caçando bruxas militares da ditadura militar, a única que o povo mal informado conhece.


São tantas as mundanidades, são tantas as vulgaridades, que me obriguei a tratar delas novamente. O Brasil desceu ao seu nível mais baixo. Nossa Educação é uma tragédia; nossa Saúde uma vergonha; com a Justiça que temos nossa segurança foi a zero. O governo atual, como o passado, tenta desesperadamente instituir uma Ditadura comunista após a vitoriosa Revolução gramsciana. Todos os países da América Latina (com exceção agora do Paraguay) estão fazendo a mesma coisa: instituem uma Revolução, para depois, seguros de sua posição, destruir toda a base democrática verdadeira para então instituir uma Ditadura férrea. É para isso que trabalham o STF, o TSE, o STJ, o Ministério Público Federal, Polícia Federal, a Receita Federal, a mídia chapa-branca, o Pig Sty, et caterva.



A dependência econômica do Brasil da Globalização dos banqueiros internacionais, que ditam o rumo dos países, fez com que aqui o povo seja enganado (via mídia) com falsos indicadores econômicos. Tudo caminha para o solapamento das instituições.

Em breve voltarei a me manifestar sobre a sujidade nacional quando o STF e seus Ministros suspeitíssimos absolverem os principais líderes políticos de Lula no caso dos Mensaleiros. Bem que a mídia tentou mudar o foco para projetar luz sobre a investigação do senador Demóstenes Torres e toda a pantomima que se seguiu. Curioso o fato da Polícia Federal saber de tudo há dois anos e somente agora levar para a imprensa corporativa as gravações comprometedoras que envolvem Tucanos ladrões e Democratas de araque. Que coisa bem feita: os mesmos traidores do povo que trocaram o impeachment do Apedeuta por dinheiro e poder em 2005 são agora condenados por ele!





quarta-feira, 6 de junho de 2012

Pitbull é preso em praça da Capital.



                                Preconceito contra Pitbulls?

         Animal teria assaltado dois cachorros na noite de sábado.



Sr. Pit

Frequentadores da Praça Viena, na Avenida Amazonas, zona norte de Porto Alegre, decidiram evitar o local ontem. Tudo porque um cão da raça pitbull estava preso, em meio a gangorras e balanços, em uma área de lazer acostumada a receber crianças nos fins de semana. O animal teria sido levado para a praça por moradores após assaltar pelo menos dois outros cachorros, na noite de sábado. O cão portava uma foto do Paulo Sant’ana, notório detrator da raça, e provavelmente uma de suas vítimas futuras.


– Ouvi aquela gritaria na rua e fui verificar o que era. O cachorro estava assaltando seus companheiros. Conseguimos separá-los, e uma vizinha levou o Sr. Pitbull até a praça (Viena) – conta a bibliotecária Dulce Infiel, que não recorda ter visto o animal em outra ocasião na região.


Segundo Dulce, a Brigada Militar (BM) e a Guarda Municipal foram ao local, mas avisaram que não poderiam recolher o animal porque não conseguiram caracterizar o flagrante. Além disso, não conseguiram encontrar o delegado de plantão. Supõe-se que estava em alguma cracolândia do Tarso. Já na manhã de ontem, o supervisor de vendas Julio Coelho deparou com a mesma cena. Ele demonstrou preocupação com a segurança dos frequentadores da praça, em sua maioria crianças.



– Sempre acordo cedo para passear com o meu cachorro e me assustei quando passei pela praça e o pitbull armado o ameaçou – relatou.

Mistério - o Cão desapareceu do local no final da noite


Coelho também procurou a BM, e uma viatura foi deslocada até lá. Servidores da Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Smam) compareceram ao local, conforme o registro da ocorrência do Centro Integrado de Operações Policiais Contra Pitbulls.(CIOCP).


– Eles colocaram um cadeado no portão da praça e disseram que só poderiam fazer algo amanhã (hoje). A praça vai ficar fechada o dia inteiro, mas há buracos na cerca e o cachorro pode fugir a qualquer momento – alertou o supervisor de vendas. Teme-se que seja libertado por uma gang de pitbulls.


Ontem à noite, por volta das 22h, moradores notaram que o animal não estava mais na praça. O cadeado continuava intacto, mas uma das estacas colocadas para fixar a cerca estava fora do lugar. Segundo Dulce, não havia sinais de que o cão tivesse cavado a terra. Provavelmente conseguiu um habeas cannis com o Marcio Toma Mais Bastos por intermédio de um advogado laranja, o Dr. Corrupião. A imprensa está abafando o caso.


A Smam confirmou, por meio de sua assessoria de imprensa, a presença de uma equipe de fiscalização na praça ontem. Os técnicos entraram em contato com a Secretaria Especial dos Direitos Animais (Seda), que afirmou não ter suporte operacional para recolher o cão. Mais ainda, disseram que estão sofrendo uma pressão terrível dos Direitos Humanos Caninos, de Brasília.



Segundo análise dos servidores, o pitbull apresentava características de uso de drogas e sinais de picadas de drogas na pata e no peito. Conforme a assessoria da Smam, membros do Departamento de Bichoses da prefeitura tinham a intenção de recolher hoje o cão brigão, mas como em tudo, faltam vagas para cidadãos dessa classe que permanecem impunes e soltos.


O episódio mostra bem o ponto que chegamos – um estado policial inteiramente nas mãos de cães, especialmente ferozes, que aparelharam o Estado Brasileiro, ocuparam as instituições, e desmoralizaram até o STF. Movimentos semelhantes de pitbulls foram observados em outras capitais. Em Brasília pitbulls mensaleiros organizam-se na Praça de um Poder Só. Já conseguiram aliados até mesmo dentro da CPI.


Este grog procurou o advogado laranja do Sr. Pit mas teve sucesso apenas parcial. Ele apenas revelou que casos como este serão cada vez mais comuns. Há um bem nítido preconceito contra essas feras o que está ameaçando o Estado de Direito do país. Em nenhum momento o cão teve o devido processo legal. Seu advogado, número 10.000 da Ordem dos Advogados Caninos o orientou para permanecer em silêncio - nenhum latido -. O advogado reclama que foi impedido de defender seu cliente chamado de ladrão pela imprensa, e o pior, que teria assaltado também crianças, algo que o cão nega peremptoriamente. Quem ataca crianças é a Xuxa, todo mundo sabe. “Isso é manobra diversionista”, disse o advogado laranja. A notícia, com o espalhafato midiático característico, serviu para distrair a população ameaçada com o fim dos pedágios, e da vergonha do cracolândia do Tarso.

Vejam a versão oficial da mídia amiga:


Charles London